Atendimento: (11) 5539-4337 / 3586-0355

Seguro de vida, quais são as perspectivas?

Atuar nesse ramo, também conhecido como Life Insurance, é um desafio grande, diário, porém você sabe como ele se desenvolveu? O número de seguros de pessoas aumentou nos últimos 10 anos, mas foi na década de 70 que esse ramo apresentou crescimento perceptível.

Segundo levantamento realizado pela Universidade de Oxford, 19% dos brasileiros possui seguro de vida, contra 32% da média global. Daqueles que possuem, 90% tem apólices insuficientes. Isso mostra a grande oportunidade que esse ramo traz para os corretores de seguros.

Além disso, 56% dos brasileiros querem seguro de vida, porém não conseguem acesso, isso representa 125 milhões de brasileiros que não têm seguro de vida. É preciso um profissional que o motive a adquirir esse seguro, ou seja, o corretor de seguros deve ter um olhar para o cliente e fazê-lo entender qual o tamanho da sua responsabilidade perante sua família.

A longevidade também é um fator que fomenta esse tipo de seguro, pois as pessoas precisam acumular mais recursos ao longo prazo. Hoje há cerca de 25 milhões de brasileiros com mais de 65 anos de idade, o que mostra que podem existir apólices não exploradas ou pessoas que não conhecem esse tipo de seguro.

Há um mercado vasto a ser explorado, porém é preciso se capacitar para atuar nesse ramo. Há perspectivas de sucesso, pois o seguro de vida é essencial nos dias de hoje, considerando ao menos esses dois fatores acima: longevidade e o desejo de ter esse tipo de seguro. Além desses, há também outros aspectos que geram oportunidade para esse ramo como a criminalidade que afeta cada vez mais os jovens, segurança familiar na falta de um dos genitores, baixa eficiência na segurança pública e déficit da previdência, que pode comprometer eventuais pensões por morte, por exemplo.

Para isso, o corretor de seguros devem se atentar a esse ramo, pois há grandes seguradoras que atuam especificamente em seguro de vida e buscam parceiros para alavancar vendas e crescer a assimilação e necessidade desse produto pela sociedade.

É também preciso que os corretores de seguros entendam essa demanda e a encontre em sua carteira. Para isso, é vital que haja organização dos dados dos clientes, com datas de nascimento, informações sobre como a família é formatada, enfim, referências que mostre oportunidades dentro de sua própria carteira.

Diversificar a carteira é importante, mas encontrar o caminho para isso é ainda mais significativo para seus negócios. Veja aqui como organizar sua agenda, seus contatos, inserir informações e assim encontrar novas oportunidades.

By : Consultor Moltrio /setembro 01, 2017 /Notícias sobre seguros /0 Comment

Achou esta informação útil? Deixe um comentário abaixo, queremos saber a sua opinião.

Comments are closed.